Posted on jun 4, 2018 in Blog | 0 comments

.

Em junho, a ESTER Brasil realiza, em Brasília, o seminário Nós, adolescentes: a síndrome de Frankenstein. Sob o olhar de Ecologia de Sistemas Humanos. O encontro será facilitado por Xavier Serrano, diretor da escola e promotor da Ecologia dos Sistemas Humanos. O seminário acontece no dia 10 de junho, das 17h30 às 21h30, no Lago Norte. As inscrições estão abertas.

Sendo a adolescência uma etapa crucial na vida de todxs nós, essa será uma oportunidade, principalmente para mães/pais e educadorxs,  para compreendermos um pouco mais como facilitar e acompanha-lxs nesse momento aonde as transformações e conflitos são tão importantes e tão grandes.


INVESTIMENTO
:

R$ 240 com alimentação

 

HORÁRIO e LOCAL:

Das 17h30 às 21h30

Qi 6, conj 10, casa 18. Lago Norte


CONTATO E INSCRIÇÕES:

Mariana Almeida
Celular: 61 9.8546.6963 (zap)
E-mail: coletivoeulivre@gmail.com

 

TEMA

A adolescência é uma etapa crucial na vida e temos quatro pilares principais para entendê-la:
– a história infantil de vida de cada um;
– a experiência familiar que se vive nesse momento;
– a cultura que rodeia o mundo do adolescente e por tanto as influências dos “iguais”;
– o fator neurofisiológico e hormonal.

Esses quatro fatores juntos formam um compacto do que é um adolescente. Cada adolescente é diferente, mas cada cultura cria e alimenta uma adolescência peculiar. Qual é esta adolescência de nossos filhos?

Como podemos facilitar essa passagem para que realmente possamos ajudar a amadurecer essa personalidade? Como acompanha-los nesse tempo de experiência tão vital, aonde as transformações e conflitos são tão importantes e tão grandes?

Neste seminário iremos entender o que é e como prevenir a Síndrome Frankenstein para que o nosso comportamento reativo, esquecendo-nos da nossa própria adolescência e desconhecendo a realidade do adolescente, não prejudique nossxs filhxs, inclusive afastando-xs de nós, porque xs vemos como monstros, tal como aconteceu com Frankstein… não queremos repetir o que aconteceu com ele.

 

METODOLOGIA
Breves exposições teóricas e audiovisuais combinadas com vivências.


PÚBLICO ALVO

Todas as pessoas que estão envolvidas no processo de criação dxs filhxs, especialmente mães/pais, educadorxs, psicólogxs, profissionais de saúde e todxs que se interessam pelo tema.